Miguel Braga: «Paragem será oportunidade para trabalhar o futuro do Sporting»

Miguel Braga: «Paragem será oportunidade para trabalhar o futuro do Sporting»
O Sporting saiu vitorioso (2-1) do reduto do Famalicão, na partida que decorreu precisamente antes da paragem competitiva devido ao Mundial'2022, um cenário que serviu de mote para Miguel Braga avaliar o momento da formação orientada por Rúben Amorim. Em declarações no programa 'Raio-X', da Sporting TV, o diretor de comunicação do emblema de Alvalade analisou aquela que considerou ser uma "vitória justíssima".

"Temos sido bastante mais consistentes nas vitórias do que nas exibições. Fruto de termos falhado alguns golos. Destacar a grande primeira parte e na segunda fez um pouco mais de gestão. As melhores oportunidades foram nossas e o Famalicão voltou ao jogo com um golo de ressalto. Destaque natural para Trincão e gostava de destacar a presença forte de Gonçalo Inácio no final de jogo. Teve uma bola com um corte que demonstra bem a sua garra e como não se deixou antecipar", começou por referir, sublinhando o compromisso do plantel leonino, apesar da primeira metade da temporada com resultados mais irregulares.

"A equipa tem-se mostrado sempre comprometida. Fizemos exibições consistentes, o que só é possível com o comprometimento dos jogadores. Sempre senti todos com essa vontade. Pode-se criticar em muita coisas, mas não nessa falta de vontade. O espírito do trabalho é completamente diferente vindo de uma vitória, empate ou derrota. É apenas a segunda vitória consecutiva, não nos podemos satisfazer com isso. Ainda mais num terreno onde o próprio treinador não tinha ganho à frente do Sporting. Foi uma vitória justa, importante e vai deixar-nos trabalhar com calma de certeza."

Além disso, Miguel Braga destacou a exibição de Francisco Trincão, jogador que esteve em foco com um golo no regresso aos titulares perante o Famalicão. "O Rúben quis dar esse voto de confiança e o jogador portou-se à altura. Mas esquecemos que tem 22 anos, mas acho que esta no clube certo, com o treinador certo para conseguir chegar aos tais 50%. E é um jogador de qualidade", referiu, antes de reiterar o desejo já expresso por Amorim em aproveitar a paragem competitiva para melhorar a equipa: "É uma oportunidade para trabalhar mais um pouco. Será trabalhar o futuro do sporting, com os jogadores do plantel, mas também talento na Academia. É uma opirutnidade de provar o seu valor ao treinador. Foi esclarecedor nesse sentido. É uma questão de aproveitar o tempo para trabalhar certos jogadores, trabalhar as rotinas e melhorar o plantel. Nesta fase a equipa técnica sabe o que irá fazer nas próximas semanas", garantiu, no programa 'Raio-X'.

Em jeito de conclusão, o responsável pela comunicação leonina abordou igualmente o sorteio da Liga Europa, prova que o Sporting irá disputar após terminar em 3º no grupo D da Champions, e na qual irá ter pela frente o Midtjylland no playoff de acesso aos oitavos-de-final. "Não gosto de falar de bons ou maus sorteios. Está ao nosso alcance, mas temos de relembrar que o Midtjylland tem sido uma presença assídua nas competições europeias. Tal como disse o Hugo Viana, mostraram-se muito competentes a jogar em casa num grupo equilibrado, mas está ao nosso alcance. O objetivo é passar à eliminatória seguinte. O foco agora será a Liga e Taça da Liga. Mas a expetativa será passar à eliminatória seguinte", deixou claro.
Next Post Previous Post
No Comment
Add Comment
comment url