Wolves leva Matheus Nunes: Já não vai disputar o clássico - Moztimbila

Wolves leva Matheus Nunes: Já não vai disputar o clássico

Wolves leva Matheus Nunes: Já não vai disputar o clássico

E aquilo que Rúben Amorim mais temia aconteceu: Matheus Nunes vai ser reforço do Wolverhampton a troco de 45 milhões de euros mais 5 por objetivos, num acordo alcançado durante o dia de ontem e que esteve durante muito tempo preso pela vontade do médio, que numa primeira fase se mostrou reticente em abraçar um projeto sem Champions, mas que acabou finalmente convencido por Bruno Lage, treinador dos lobos que lhe acenou com outro grande palco, a Premier League.

Com a proposta pronta há praticamente 2 meses, tal como Record tinha dado conta a meio de junho, o Wolves foi gerindo as expectativas com a ajuda do agente português Jorge Mendes, que tinha o exclusivo da transferência do futebolista, de 23 anos, nesta janela. O Sporting, através do seu técnico, ainda tentou atrasar a saída de Matheus para a tornar... impossível, mas o mercado e o bolo de 50 milhões prometido pelos ingleses acabaram por falar mais alto. A SAD dos leões reserva, ainda, mais 5% de uma mais-valia numa futura venda.

Uma mudança relâmpago

A folga de Matheus Nunes, após aquela que foi a sua despedida de leão ao peito, contra o Rio Ave, foi passada com um olho no telefone, que tocou várias vezes para garantir que a sua resposta era definitiva. Quando deu o ‘sim’ final, Sporting e Wolverhampton colocaram tudo em andamento, faltando apenas agora comunicar o negócio – avultado – à CMVM, como é norma.

Já abordámos a despedida, porque sim, Matheus já não vai ser opção de Amorim para o clássico do próximo sábado, no Dragão, diante do FC Porto, abrindo também uma autêntica casa aos reforços, tema que exploramos nas peças presentes na página 3. As próximas horas vão assim precipitar as despedidas do médio e a sua viagem para terras de Sua Majestade, onde tinha mais pretendentes, entre os quais o West Ham, que na última semana apresentou uma proposta – rejeitada – de 30 milhões de euros e mais 5 por objetivos.

Vai ganhar... seis vezes mais

À espera do jogador internacional por Portugal está à espera um enorme contingente luso, mas também um contrato milionário, pelo menos seis vezes superior aos 400 mil euros livres de impostos que aufere atualmente. O Sporting ia aumentá-lo para acima de 1 milhão caso ficasse, mas o cenário não passou para o papel.  

Segundo maior encaixe da história

A venda de Matheus para o Wolves pode chegar aos 50 milhões de euros, o que precipitará o segundo maior encaixe financeiro dos leões, só superado pela transferência de Bruno Fernandes para o Man. United, hoje nos 63 milhões. Para já, os leões garantem 45 M€, um valor idêntico ao que garantiram com a saída de Nuno Mendes para o PSG e inferior aos 41 da transferência de João Mário para o Inter. De assinalar que desde que Frederico Varandas assumiu a presidência, em 2018, a SAD já fez cerca de 200 milhões com as vendas de Bruno Fernandes (63), Matheus Nunes (50), Nuno Mendes (45), Wendel e Palhinha (20 cada).

SALTO DE GIGANTE

Pechincha. Em 2017/18, estava... nos distritais de Lisboa, no Ericeirense. Seguiu para o Estoril, onde esteve pouco tempo até o Sporting o comprar. Foi contratado em janeiro de 2019, por 500 mil euros por 50% do passe. Dois anos volvidos, a SAD comprou o remanescente do passe por 450 mil euros.

Pupilo. Em 2019/20, deu nas vistas na equipa B (30 jogos e três golos) e Amorim pegou nele mal chegou a Alvalade, juntamente com outros jovens talentos dos leões. Fez 10 jogos na reta final da época e em 2020/21 somou outros 39 – uma espécie de 12º jogador, dado que o dono da posição era João Mário.

Previsão. Ainda em 2020, Frederico Varandas já antevia um futuro radiante para o médio. "O Matheus Nunes custou 500 mil euros. O que já vi nele, como está a treinar hoje [...] não tenho dúvidas que só ele vai pagar Rúben Amorim", atirou o presidente. A previsão até ficou... curta, dado que está na porta de saída por 45 M€, mais 5 M€ por objetivos.

Quase. No verão passado, e já com uma cláusula de rescisão de 60 M€, Matheus Nunes esteve na iminência de rumar ao Everton, por 18 milhões de euros, mas acabou por ficar.

Seleção. O Brasil chamou por ele, mas Matheus preferiu Portugal. Estreou-se a 9 de outubro de 2021, com o Qatar, e hoje tem 8 internacionalizações.

Marcante. Realizou o jogo 100 pelo Sporting em Braga, na 1ª jornada da Liga, e uma ronda depois, até sem saber, despedia-se de Alvalade contra o Rio Ave – e logo com um golaço.

Next Post Previous Post
No Comment
Add Comment
comment url