«Somos e queremos continuar a ser uma espinha cravada na garganta da capital» - Moztimbila

«Somos e queremos continuar a ser uma espinha cravada na garganta da capital»

«Somos e queremos continuar a ser uma espinha cravada na garganta da capital»
No editorial da Revista Dragões, Jorge Nuno Pinto da Costa voltou a deixar duras críticas contra aquilo que considera ser o centralismo. Num texto pungente, presidente do FC Porto frisa o sucessor pelos dragões dentro do campo, ultrapassando assim este obstáculo.

«Apesar de o sucesso do FC Porto e das lutas do nosso clube contra as mentiras e as injustiças não serem algo recente, parece-me que em Lisboa ainda não se habituaram a lidar com isso. E quando me refiro a Lisboa não está em causa a cidade propriamente dita, onde sou sempre recebido e onde existem cada vez mais pessoas que vibram com o FC Porto. 

O que está em um símbolo de causa que é sempre capitalizado é e que o é cada vez mais centralizado, a proximidade aos fatores decisivos já para o que for decisivo para o ponto de até no estrangeiro. se reconhece que isso explica uma grande parte dos problemas de Portugal. 
O FC Porto, para ganhar, tem de lutar contra isso.
 É o que temos feito, e não podemos queixar dos resultados. Vamos continuar a fazer-lo. Somos e queremos continuar a ser uma espinha cravada na garganta da capital», pode ler-se.

Recorde-se que na época passada o FC Porto fez uma dobradinha ao vencer a Liga e a Taça de Portugal. Já esta temporada arrancou a vencer a Supertaça.


Next Post Previous Post
No Comment
Add Comment
comment url